18/02/2020

O Jornal Edições Anteriores Mídia Kit Fale Conosco

18/02/2020

Jornais de bairro; o melhor meio de unir moradores, comerciantes e prestadores de serviço

Publicado em 05/02/2020

Considerados o meio mais antigo de emissão de noticias locais, a plataforma é bem requisitada pelos munícipes, abrangendo apenas o que realmente interessa, de maneira simplória

Símbolo de tradição, os jornais de bairro são considerados o meio mais antigo de emissão de noticias locais, a plataforma é bem requisitada pelos munícipes, abrangendo apenas o que realmente interessa, de maneira simplória.  

São bem aceitos por diversos motivos; dentre eles estarem nesse meio há anos, sempre transmitindo a confiança que o leitor exige, procuram atender as demandas que os próprios moradores enviam, e se fazem presentes em cada âmbito do bairro, além disso, apresentam conteúdos relevantes que agregam a todos que o consomem. A distribuição gratuita garante a abordagem a todas as classes e faixas etárias.

A importância de se fazer presente

Aos comerciantes é fundamental entender a importância de se divulgar, fazer-se presente aos olhos dos fregueses é tática infalível à conquista do novo cliente, é a exclusão do esquecimento dos mesmos, enfatizando sua marca induzindo à fixação. Empresas que desejam atingir um público específico, nada mais indicado que anunciar nos jornais que circulam na região fazendo o leitor entender que aquela marca acredita no seu bairro, assim, estreitando relações com os mesmos. Além disso, os profissionais que trabalham nos jornais se preocupam em relacionar às matérias as propagandas, por exemplo; matérias educativas junto a anúncios de escola, esse cuidado gera interesse do leitor as marcas ali presentes.

Atualmente muitos comércios fazem o uso da panfletagem como meio de induzir a fixação de sua empresa, mas com o novo decreto nº 59.172, colocado em vigor recentemente pelo prefeito Bruno Covas impede tais ações com multa fixa de R$ 5 mil ao infrator e beneficiário da propaganda e estabelece o dobro do valor nas reincidências, que podem ser constatadas a partir dos 60 minutos da primeira autuação, se a infração continuar sendo cometida. Caracterizam-se crime a distribuição em via pública, manualmente ou lançados de veículos, aeronaves e edificações ou, ainda oferecidos em mostruários. Além disso, esse tipo de abordagem se faz antepassada aos novos meios, visto a eficiência da comunicação oferecida pelos jornais de bairro, além de contribuir para a poluição não apenas visual, mas também aquela que favorece as enchentes pelo descarte irregular desses panfletos.

Com tantas vantagens apresentadas fica difícil escolher a panfletagem ilegal ao anuncio que circula junto as matérias relacionadas a propaganda, conteúdos de interesse e a reputação dos jornais regionais. 

FECHAR

 
Divulgue sua empresa