12/12/2018

O Jornal Edições Anteriores Mídia Kit Fale Conosco

12/12/2018

AME inaugura seu acesso amoroso

Publicado em 04/07/2018

A AME esteve em festa no dia 28 de junho. Depois de muita luta foi concretizado mais um projeto de acessibilidade para a AME Amoroso.

 

 

 

A  AME esteve em festa no dia 28 de junho. Depois de muita luta foi concretizado mais um projeto de acessibilidade para a AME Amoroso. 
Foi inaugurado o elevador, que faz parte do projeto Fundação Banco do Brasil, possibilitando a inclusão das pessoas com deficiência nas apresentações e reuniões no salão multiuso no CCA Centro para Crianças e Adolescentes.

 

AME® foi fundada em 27 de Setembro de 1973 por um grupo de educadores que atuavam em escolas da região de Vila Fachini. Uma associação sem fins lucrativos.

Entre seus atendimentos a entidade tem o Centro de Acolhida “Amor e Respeito”,  projeto realizado por voluntários e parceiros, compreendendo: visitas domiciliares, atendimento às famílias, atendimento Ginecológico, Escola de Pais, Atendimento Especializado e elaboração da agenda 21.

C.E.I. Centro de Educação Infantil, em convênio com a Prefeitura: atende mensalmente, em período integral, 172 crianças de  2 a 4 anos.

C.C.A. Centro para Crianças e Adolescentes, também conveniada com a prefeitura: atende mensalmente, em contraturno escolar,180 crianças/adolescentes de 6 a 14 anos e 11 meses.

O S.A.S.F. Serviço de Assistência Social à Família e Proteção Social Básica no Domicilio. Atendendo mensalmente 1.000 famílias/mês de alta vulnerabilidade social.

Centro de Acolhida Amor e Respeito

Dentro desta categoria encontram-se dezenas de parceiros (pessoas físicas e jurídicas) que contribuiram ou ainda contribuem com ajuda de material, financeiramente ou através de trabalho voluntário para que a AME continue a prestar um serviço social e educacional crescente na comunidade onde atua.

O local de sua instalação ainda tem muito espaço para crescer e aumentar o número de atendidos, mas depende da colaboração de mais e novos parceiros.  

 

Fundação Banco do Brasil

 

A Fundação Banco do Brasil tem a sua história entrelaçada com o amadurecimento do Terceiro Setor brasileiro e com os números exitosos na redução da pobreza no Brasil. Atuam desde 1985 pelo desenvolvimento sustentável do País e pela transformação social dos brasileiros que mais precisam. Ao longo dessa trajetória, destacam-se ações de geração de trabalho e renda, desenvolvimento comunitário e meio ambiente, permeadas por projetos de educação, transversais a todas as iniciativas. Em seus 32 anos de história, a Fundação BB cresceu e se tornou uma das mais importantes instituições do País na busca pela inclusão socioprodutiva dos segmentos mais vulneráveis da sociedade. Somente nos últimos 10 anos, foram R$ 2,8 bilhões (em valores atualizados pela Selic) em investimento social e, mais importante, quase 3,7 milhões de pessoas que tiveram suas vidas transformadas por meio das ações. Isso só é possível porque contam com uma equipe especializada que acompanha todas as fases da implementação de um projeto social, desde sua modelagem até a avaliação da efetividade da atuação nas comunidades atendidas. Os editais públicos podem ser acessados na página www.fbb.org.br/editais.
As ações específicas da Fundação BB em parceria com as agências do Banco do Brasil, especialmente as chamadas para Projetos de Inclusão Socioprodutiva (PIS) e Voluntariado BB FBB, devem ser acessadas junto às agências BB locais. Acompanhe pelo site ou as redes sociais para identificar editais aderentes à demanda do público atendido por sua instituição e procure a agência BB local para informações quanto às chamadas específicas de Projetos de Inclusão Socioprodutiva e Voluntariado BB FBB.

Foi assim que o fundador e associado benemérito da AME Claudio do Amaral Kifouri e a presidente Arlete Lopez Godinho no ano de 2016 apresentaram o projeto Acesso Amoroso. “Com alegria e gratidão a AME recebe todos na consciência que há muitas portas e passagens que representam novas oportunidades, a porta do elevador é uma delas que se abre hoje” declarou a presidente em seu discurso de agradecimento aos representantes da Fundação Banco do Brasil.

O elevador agora leva a inclusão de crianças, adolescentes, gestantes, idosos e pessoas portadoras de necessidades especiais para dentro do espaço físico da instituição.

Voluntario

O voluntario Senhor João Antônio Buzzo preparou um soneto sobre a AME e declarou aos presentes. Ele lembrou que está na casa há 14 anos três meses e cinco dias (na data).

Os voluntários da AME podem trabalhar em diversas áreas e com públicos diferenciados. Cada pessoa desenvolve seu voluntariado de  acordo com suas habilidades e vontade de ajudar.

 

AME

Rua Godofredo Braga, 215 - Vila Fachini

www.ameamoroso.org.br

 

 

 

 

FECHAR

 
Publicidade
Publicidade